O setor de serviços é um dos mais desafiadores quando abordamos a questão da gestão de pessoas. Isso porque, como a própria definição desse setor sugere, a prestação de serviços não pode ser feita por máquinas, mas sim por gente. E as pessoas precisam de investimento e de atenção constante para terem todas as condições necessárias para que consigam se desenvolver e prestar um atendimento de excelência.

Esse é o sonho de consumo de toda empresa que atua no setor de serviços. Você já imaginou como seria bom se todos os prestadores de serviços fossem comprometidos com os seus trabalhos e tivessem satisfação em atender bem? Mas, para isso acontecer, a gestão de pessoas nesse setor precisa ser eficiente, o que é possível se você contar com os parceiros corretos. É sobre isso que vamos falar neste texto.

O cenário ideal da gestão de pessoas no setor de serviços

As empresas que atuam no setor de serviços, normalmente, demandam um grande número de funcionários. E não é tarefa fácil ter todo o time de uma empresa com esse perfil bem afinado, qualificado, ciente dos objetivos da empresa para o qual ele trabalha e sabendo como, individualmente, cada pessoa pode contribuir para a obtenção dos resultados desejados para o negócio.

Para conseguir esse cenário ideal em uma empresa de serviços, a gestão de pessoas deve estar focada na excelência envolvendo os colaboradores da companhia. E isso passa por uma gestão eficiente que se inicia no momento da contratação, com o departamento de Recursos Humanos focando na admissão das pessoas certas para as funções mais adequadas.

E esse é apenas o começo. Depois, a empresa de serviços deve estar concentrada em todo o restante da trajetória do funcionário dentro da companhia. Isso passa pela qualificação do colaborador, por uma boa gestão de plano de cargos e salários, pela identificação de talentos para cargos de liderança, por programas de valorização e de motivação de talentos, entre outras políticas que precisam ser desenvolvidas internamente.

Quando bem feita, essa gestão é capaz de manter o clima organizacional e todos os índices envolvendo as pessoas da organização em patamares satisfatórios, bons ou ótimos. Em resumo, quando falamos em uma empresa do setor de serviços, o ideal é que a área de Recursos Humanos dessas companhias seja muito mais ativa.

E daí surge a pergunta: como uma área de RH pode ser mais ativa se as pessoas que fazem parte dela devem dedicar uma parte considerável de suas rotinas para fazer a gestão de questões burocráticas inerentes ao Departamento Pessoal?

Para tornar mais eficiente a gestão de pessoas no setor de serviços é que empresas como a Dressler passaram a oferecer o serviço do outsourcing de folha de pagamento ou o BPO de folha de pagamento.

Como a gestão de pessoas no setor de serviços pode ser mais eficiente

Quando uma empresa do setor de serviços contrata um desses serviços da Dressler, por exemplo, ela deixa de ter as pessoas da área de Recursos Humanos fazendo o trabalho da área de Departamento Pessoal.

Assim, a equipe qualificada da Dressler acaba cuidando de todo o cálculo, gestão e pagamento da folha de pagamento da empresa do setor de serviços, assim como da administração de todas as minúcias legais envolvendo a gestão de pessoas – incluindo, nesse arcabouço legal, as últimas alterações na legislação, as regras dos sindicatos, entre outros fatores que interferem no cálculo e na gestão do pessoal de uma empresa.

Com o diferencial de ter todos os seus processos certificados pelo ISO 9001/2015, a Dressler utiliza tecnologia para fazer toda a integração dos aspectos que envolvem a gestão eficiente do Departamento Pessoal de uma empresa contratante.

Uma outra vantagem em confiar todos os processos envolvendo a área do Departamento Pessoal para uma empresa como a Dressler é o ganho em relação ao sigilo de informações. Quando uma empresa do setor de serviços faz a gestão da folha de pagamento internamente, é bastante comum que diversas pessoas da área de Recursos Humanos se envolvam no processo de digitação e conferência de informações dos salários dos funcionários da empresa.

Assim, diversas pessoas acabam tendo informações sobre quanto cada pessoa da companhia ganha, além de detalhes sobre adicionais no pagamento, faltas, benefícios, etc. Quando a folha de pagamento é calculada e administrada pela equipe da Dressler, apenas uma pessoa da empresa contratante precisa verificar se todos os pagamentos estão corretos e um diretor precisa autorizar o pagamento da folha a cada mês.

Dessa forma, apenas uma pessoa de confiança e que tivesse recebido autorização da alta gestão da empresa do setor de serviços teria a informação detalhada sobre os pagamentos para todos os funcionários da companhia.

Além disso, a alta gerência da empresa e/ou o gerente financeiro teriam conhecimento do quanto a folha de pagamento significou de custos para a companhia em um determinado mês, com a segurança de que os pagamentos seguem a política de cargos e salários da empresa – mas essas pessoas visualizariam apenas o arquivo fechado dos pagamentos, sem entrar no pormenor de quanto cada funcionário está recebendo naquele mês.

Um gerente de uma área específica da empresa de serviços, por exemplo, poderia acessar os detalhes da folha de pagamento dos seus subordinados, mas não teria acesso às informações de colegas do mesmo nível hierárquico ou de funcionários de outras áreas.

Depois de a folha de pagamento ter sido verificada pela pessoa com cargo de confiança (muitas vezes o gerente contábil, financeiro ou de Recursos Humanos) e de ter tido o pagamento autorizado pelo diretor responsável dentro da empresa, o sistema da Dressler se comunica diretamente com o banco, sem interferência humana, e garante o recebimento da folha de pagamento para cada colaborador da empresa contratante.

Sem brechas para erros ou para atrasos – algo que não é totalmente incomum quando esse processo depende do fator humano.

Sigilo e eficiência na gestão de pessoas garantidos

Com os serviços da Dressler, todo o sigilo envolvendo a folha de pagamento e os demais aspectos do Departamento de Pessoal estão garantidos, o que ajuda no compliance da empresa contratante.

As empresas de médio e grande porte da área de serviços percebem o “antes e o depois” de contratar os serviços da Dressler para a gestão do Departamento de Pessoal com muito mais facilidade do que uma micro ou pequena empresa. Mas todos os negócios que atuam nesse setor e que precisam dedicar tempo e recursos para a gestão de pessoas podem usufruir das vantagens de optar por um BPO ou por um outsourcing de folha de pagamento.

A diferença é que uma empresa que tem 30, 50, 100 ou 200 funcionários irá contratar, provavelmente, a gerência completa oferecida pela Dressler e que contempla a gestão de processos, de pessoas e de sistemas para a busca do melhor resultado para a empresa contratante. Essas empresas desejam que o foco de suas equipes de Recursos Humanos seja na gestão de pessoas e não da folha de pagamento e de questões legais relacionadas.

Por outro lado, uma empresa que tem 20, 10 ou menos funcionários e que, muitas vezes, não tem um departamento de RH constituído, estará focada em outro tipo de solução. Essa empresa estará procurando, por exemplo, a segurança e a tranquilidade que a terceirização da folha de pagamento com uma empresa especializada nessa área, como a Dressler, pode trazer.

Dessa maneira, as empresas de menor porte não precisarão investir em um sistema e em um contador para fazer a gestão da folha de pagamento. A Dressler pode oferecer essa solução com o diferencial de ter todos os processos certificados e uma equipe com expertise e que conhece bem a legislação vigente. Isso traz segurança para a empresa contratante, que sabe que só pagará os impostos e os benefícios devidos, sem desperdiçar recursos e fazendo uma gestão de pessoas eficiente.

 

cta_blog_esocial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *